Dia dos Namorados x Festa Junina x Copa: De que lado sua marca está?

dia-namorados-festa-junina-copa

Junho chegou com força total, repleto de oportunidades para movimentar os negócios e aumentar as vendas. Por outro lado, com vários eventos acontecendo ao mesmo tempo, pode ficar difícil estabelecer uma comunicação clara. Por isso, é essencial que as marcas saibam muito bem como se posicionar neste momento.

Para complicar, o início da Copa do Mundo 2014 cairá bem no dia 12/06, que também é Dia dos Namorados. Então, o que fazer: vestir a camisa verde e amarela ou entrar no romântico clima dos apaixonados? Além disso, ainda tem as Festas Juninas com suas bandeirinhas, estampas coloridas, balões e outros símbolos característicos.

É preciso ter uma estratégia definida, uma direção para onde seguir, ainda que seja na tentativa de casar duas temáticas. Veja o caso da Brahma com a campanha #movimento11, que sugere aos namorados antecipar suas comemorações para o dia 11, deixando a abertura dos jogos livre para a torcida.

Foco no universo da marca

Assim como em outras ocasiões ao longo do ano, a marca deve se posicionar diante de oportunidades que sejam coerentes com o seu mundo e que sejam relevantes para o seu público – daí a importância de um bom planejamento!

Querer abraçar a tudo e a todos, além de gerar confusão e descaracterizar a empresa, exige um investimento elevado, que pode ser jogado no lixo simplesmente pela falta do bom e velho foco.

“Para que uma estratégia de Marketing tenha sucesso […] não basta aproveitar o momento ou seguir a moda. Todas as ações precisam fazer sentido com o universo da marca. Ativar apenas para não perder o momento pode gerar frustração. O que acontece, é um exercício de adequação entre o que está em alta e aquilo que é relevante para cada marca” – Luisa Medeiros, Mundo do Marketing.

Alguns segmentos já têm caminhos mais ou menos delineados, o que ajuda desembaraçar situações como essa do mês de junho. Por exemplo, é mais comum que empresas de cosméticos, perfumaria e joias desejem estimular a troca de presentes entre os apaixonados. Já quem está ramo de alimentos (principalmente à base de milho ou amendoim) vai querer aproveitar os festejos juninos e suas delícias para aquecer as vendas de ingredientes e outros produtos. O setor esportivo, por sua vez, bem, nem é preciso comentar.

Seja qual for o “tema do mês”, o importante é defini-lo com convicção e energia, sendo incisivo na comunicação para que sua marca não passe despercebida entre a concorrência e seus eventos específicos. Ou seja, é para vestir mesmo a camisa e fazer acontecer!

Referência: Mundo do Marketing.

0
Categoria: Campanha Publicitária

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *